Search Here!!!

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Marijuana já é cultura de rendimento em Moçambique



A cannabis sativa, conhecida como soruma em Moçambique, já se tornou uma cultura de rendimento na província de Cabo Delgado, tendo sido apreendidas cerca de quatro toneladas da droga nos últimos cinco anos, segundo uma organização governamental.

De acordo com o Gabinete de Prevenção e Combate à Droga em Cabo Delgado, "a soruma é hoje cultivada em quase toda a província, como cultura de rendimento e a escalada da sua produção está a fomentar os actuais níveis de consumo e tráfico desta droga".

Dados fornecidos por aquele gabinete indicam que 133 pessoas foram condenadas por tráfico ou consumo de estupefacientes, tendo sido destruídos 77 campos de cultivo da soruma, nos últimos cinco anos.

A mesma fonte refere que a polícia apreendeu nos últimos cinco anos cerca de quatro toneladas de cannabis, tendo sido sujeitos a tratamento 174 toxidependentes.

Num acto simbólico para marcar o Dia Internacional de Luta Contra o Tráfico de Drogas, que se comemorou no passado domingo, foram destruídas 300 quilos de soruma.

Falando sobre a efeméride, Tomé Matebe, do Gabinete de Prevenção e Combate à Droga em Cabo Delgado, afirmou que o Estado moçambicano está preocupado com o actual nível de consumo de estupefacientes no país, uma vez que são responsáveis pelo recrudescimento do crime violento, abandono escolares e infecções por HIV/SIDA e outras doenças.

7 comentários:

  1. como saber o que a pessoa esta fumando? o haxixe se mistura no tabaco...

    ResponderEliminar
  2. Nunca na minha vida ouvi falar de um crime violento que ocorreu graças a marijuana ou casos de HIV/SIDA. O governo esta a fazer uma lavagem de cerebro terrivel as pessoas, se as pessoas realmente acham que marijuana é uma "droga" assim tao venenosa entao elas deviam informar se melhor sobre esta substancia e as pessoas deviam tambem começar a perguntar se porque que em mais do que 17 estados nos Estados Unidos, esta substancia é legalizada e em Portugal tambem.. deviam tambem procurar saber os beneficios que esta substancia tem e os optimos resultados que Portugal e outros estados estao a ter graças a legalização desta mesma substancia. Esta na hora de acabar com tretas e começar a abrir os olhos

    ResponderEliminar
  3. a cannabis (marijuana) eh uma droga medicinal, e que tem mais vantagens do que desvantagens. claro que o governo quer lavar o cerebro de muitos porque esse negocio eh lucrativo e que o dinheiro so anda entre os grandes ratos.
    e acho que deviam legalizar no pais inteiro e cobrar taxas como fazem ao alcool. e vamos deixar de ser ignorantes, vamos peocurar saber mais. tabaco mata mais de 40.000 pessoas por ano, mas a cannabis nao tem um unico historial de morte de alguem, e ate a cannabis pode servir de medicamento pra cancer devido THC contida na cannabis. e proibindo a legalizacao de cannabis aumenta a corrupcao, onde as autoridades sentem se no direito de maltratar pessoas so porque tem uma escolha diferente. aconteceu comigo, nao digo em 3a pessoa. vamos deixar ignorancia de lado.

    ResponderEliminar
  4. cannabis eh rendimento que beneficia a economia nacional em alguns estados de alguns paises, so que ca em mozambique como o trafico de droga eh maior entao o governo nao tem porque de liberar o mercado pra todos, mas sim sendo chico esperto pra manter esse mercado so pra eles assim enchendo os proprios bolsos. sim ha lavagem cerebral porque ca a educacao eh precaria, a maioria eh analfabeta, mas sou a favor de legalizacao da planta pelo menos na capital de moz.

    ResponderEliminar
  5. estamos livres de cultivar para o consumo proprio caso nao usaremos a forca bruta

    ResponderEliminar
  6. Eu não sei de nada. Uma coisa não tem nada a ver com a outra portanto fuma maconha quem quer e quem não quer não fuma

    ResponderEliminar

Diz o que pensas...