Search Here!!!

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Cannabis Private Club Madrid

Madrid tem desde o mês passado um clube onde se pode fumar haxixe. O "Private Cannabis Club" ocupa as instalações do antigo restaurante Pacauellos del Jarama, e tem cerca de 400 metros quadrados. Junto com o café ou meia de leite, é possível pedir também um grama de erva. Os clientes podem, ainda, levar consigo a sua dose.

Os sócios têm entre os 20 e os 65 anos e alguns deles sofren de cancro ou outras doenças graves crónicas. "Com os corticóides, os efeitos secundários seriam imensos; a canábis não cura a doença, mas alivia os sintomas, pára as diarréias e os vómitos", disse, em declarações ao jornal "El Mundo", o desenhador industrial Fernando, portador da doença de Kron, que ataca os intestinos, e um dos 80 sócios do clube. "Não é a mesma coisa fumar em casa. Aqui, há sempre a vantagem de não se estar sozinho. Isso faz toda a diferença", enfatiza, acrescentando que nos hospitais em Israel dá-se marijuana aos doentes de Kron.

O "Private Cannabis Club"   de Madrid, seguindo o exemplo dos que já existem no País Basco e na Catalunha, apoia-se na legislação que permite o consumo de canábis no âmbito privado.
Entrada proibida a menores

Todos os dias, entre 20 a 30 pessoas frequentam o clube, cujo acesso só é permitido a pessoas maiores de idade, apresentadas por um sócio. A maioria vai pelo uso "lúdico" da droga, como se vai a um bar consumir álcool ou tabaco, mas também pelos efeitos terapêuticos.




Um dos fundadores, Carlos Yerbes, diz que o clube é uma associação privada de consumidores de cannabis, inscrita na Comunidad de Madrid, e "é como a nossa casa".
A associação preconiza o consumo "responsável e controlado", pelo que não se permite consumir mais de 50 gramas de haxixe por semana. A droga também não é vendida; dispensa-se: "Temos aqui uma caixa comum", diz Pedro Alvaro Zamora, outro dos fundadores. "Os adultos podem, desse modo, deixar de procurar o mercado negro.

Nos EUA, a erva é fornecida em clínicas especializadas, como a San Francisco Medical Cannabis Clinic, em São Francisco, em cujas instalações se pode consumir

1 comentário:

  1. OK!!! como chega? como associa-se? sou brasileiro e estarei passando 48 horas em Madrid ente os dias 02 e 05/01...como visitá-los? estou indo com um grupo de pessoas adultas e responsáveis, profissionais de comunicação, advocacia, designer, psicologia. estamos a passeio, mas também realizando um trabalho pedagócico-cultural na península ibérica. informo que não conhecemos ninguém em madrid, tão pouco um sócio do clube, mas sería-nos interessante visitá-los.
    Grato pela atenção.
    napole.noronha@hotmail.com

    ResponderEliminar

Diz o que pensas...